Microsoft pode começar a vender o Windows 10 por meio de assinaturas

1 min de leitura
Imagem de: Microsoft pode começar a vender o Windows 10 por meio de assinaturas
Avatar do autor

Atualmente, a Microsoft oferece alguns de seus apps por meio de assinaturas do pacote Office 365, mas, em breve a empresa deve ampliar esse tipo de oferta para incluir até o mesmo o Windows 10. É o que revela o site ZDNet, citando como fonte algumas descrições de vagas de emprego na gigante de Redmond.

Segundo a publicação, uma vaga para diretor de produto cita um novo produto da empresa chamado “M365 Consumir Subscription”. Como a Microsoft já tem um pacote chamado Microsoft 365 que reúne Office 365, Windows 10 e Enterprise Mobility + Security, é possível sugerir que o novo “M365” inclua outros serviços de software além desses, como Skype, Outlook e por aí vai.

Importante destacar que, até o momento, a ideia não parece ser a de passar a cobrar de quem já utiliza o Windows ou compra o sistema junto de um computador novo. Provavelmente, a solução gestada pela Microsoft visa criar uma forma mais simples e contínua de se adquirir uma versão do sistema, tal qual já ocorre com o Office 365.

A Microsoft não deu qualquer pista relacionada ao novo produto e a única informação oficial da empresa foi “não temos nada mais a compartilhar no momento”.

Cupons de desconto TecMundo:

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Microsoft pode começar a vender o Windows 10 por meio de assinaturas