A Alphabet, empresa dona da Google e de todas suas antigas subsidiárias, anunciou por meio de uma postagem no Meduim que os balões do Project Loon conseguiram alcançar um feito histórico. O texto explica que foi possível transmitir o filme Academia de Gênios em uma rede com sete balões e uma estação em terra, totalizando uma distância total percorrida de 1.000 km.

É importante destacar que os balões fizeram essa transmissão usando 4G LTE como padrão de comunicação, e a rede ficou toda posicionada acima dos estados norte-americanos da Califórnia e Nevada.

Antes dessa marca, os engenheiros do Project Loon conseguiram fazer transmissões conectando apenas dois balões, com distância máxima de 100 km. Vale destacar ainda que esses equipamentos ficam posicionados na estratosfera, à 20 km de altitude.

antenaAntena articulada de alta capacidade dos balões do Project Loon

Segundo o pessoal do Loon, algumas semanas depois de enviar arquivos nessa rede de sete balões, foi obtido outro recorde: o mesmo arquivo foi transmitido em uma rede de apenas dois balões, mas eles estavam 600 km distantes um do outro.

O objetivo da Google com essas redes de longa distância no ar é garantir que pessoas que moram em lugares remotos tenham acesso à internet. “Mesmo com nossos balões, que possuem uma cobertura 20 ou 30 vezes maior que antenas de celular tradicionais, ainda teremos algumas pessoas vivendo fora do alcance desses equipamentos que ficam conectados a uma base em terra”, explicou Salvatore Candido, líder de engenharia do Loon.

Como um time de futebol cósmico avançando a bola pelo céu

Por isso, transmitir o sinal de internet entre os próprios balões é importante, garantindo que somente uma base em terra seja capaz de disseminar sua conexão por milhares de km quadrados de terra. “Se pudermos estender nosso alcance passando essa conexão através de uma rede de balões, como um time de futebol cósmico avançando a bola pelo céu, nós podemos dar cobertura a muito mais pessoas”, disse Candido.

Ao anunciar essas novas marcas alcançadas pelo projeto que se originou dentro da Google, Candido também explicou que o Loon terá sua estreia comercial em 2019. Não sabemos ainda se o projeto vai criar sua própria operadora de telefonia para fornecer conectividade 4G LTE à população ou se vai simplesmente alugar sua rede para empresas locais operarem o serviço.

Cupons de desconto TecMundo: