A tecnologia para chamadas telefônicas ou pela web evoluiu muito nas últimas décadas e, agora, é possível conversar com pessoas do outro lado da linha com áudio praticamente instantâneo e, mesmo assim, ter alta definição no som. Mas parece que não é exatamente isso que os humanos querem.

Chamadas pela internet e especialmente via VoLTE, as ligações através da rede 4G das operadoras, podem ser muito claras e bem definidas, proporcionando uma ótima experiência ao usuário. Mas ao passo que foi se deixando a qualidade do áudio melhor, aquele ruído de fundo característico das chamadas analógicas também foi sendo eliminado.

Engenheiros responsáveis por várias formas de comunicação por áudio perceberam a necessidade do “ruído de conforto”

O problema é que, com isso, quando as duas pessoas na ligação ficam caladas, não há som para transmitir e as chamadas ficam completamente mudas, como se tivessem sido desconectadas. Foi então que os engenheiros responsáveis por várias formas de comunicação por áudio perceberam a necessidade do “ruído de conforto”.

A partir disso, começou a ser incluído em ligações digitais um barulho de fundo de baixa frequência para que ele literalmente preenchesse o silêncio de uma ligação, deixando a situação toda mais confortável. De outra forma, mas pessoas ficavam frequentemente confusas, achando que suas chamadas haviam caído.

Quem divulgou a existência desse ruído de conforto foi o Skype, que inclusive revelou como construiu o seu próprio ruído de conforto. No caso do mensageiro, o barulho de fundo é gerado por um som constante que varia de 75 Hz a 8.000 Hz. O som tem apenas 4 segundos e é repetido constantemente sem que o usuário perceba qualquer interrupção.

Esse tipo de som pode ser confundido com o “ruído branco”, mas, como o ruído de conforto do Skype não é 100% constante em suas frequências, ele tecnicamente é encaixado no chamado “ruído rosa”.

Seja como for, cada operadora e mensageiro que trabalha com chamadas de áudio possui o seu próprio ruído de conforto. Operadoras de celular colocam um barulho padronizado no fundo das ligações desde a implantação do GSM, também conhecido como 2G.