Todo mundo sabe que a Apple é a empresa mais valiosa do mercado — e ela até mesmo pode bater recorde e chegar ao patamar de US$ 1 trilhão. Esse é um preço estipulado a partir do valor de suas ações, diferente do chamado “valor de marca”, que pode mudar de acordo com o método do levantamento de cada firma de consultoria. E foi isso o que aconteceu no caso da nova abordagem da Brand Finance: a Maçã ficou em segundo lugar nos Estados Unidos, atrás da Amazon, que também superou a Google.

Para chegar a esse resultado, a Brand Finance seguiu sete passos, que incluem cálculo de royalties para cada setor, receitas específicas, descontos de impostos, entre outros exames mais complexos. Depois disso tudo, ela chegou aos números que nesta temporada elegeram os dez primeiros em território estadunidense: Amazon, Apple, Google, Facebook, AT&T, Microsoft, Verizon, Walmart e as empresas de serviços financeiros Wells Fargo e Chase.

pesquisa amazon valor de marca

A Amazon ocupa o primeiro lugar de 2018 com crescimento anual de 42% nos Estados Unidos e chega ao valor de marca de US$ 150,8 bilhões. A Apple teve alta de 37% e acumula US$ 146,3 bilhões. Já a Google, com acréscimo de 10% em relação ao 2017, registra US$ 120,9 bilhões —saindo do topo do pódio para a terceira posição.

Cupons de desconto TecMundo: