A Apple está sendo processada por uma empresa chamada Coretronics, que acusa a Maçã de utilizar indevidamente sua tecnologia patenteada. Esta é, na verdade, uma segunda investida da Coretronics contra a Apple. Anteriormente, a companhia havia processado a Maçã pela suposta quebra de patente na construção da câmera dupla do iPhone 7 Plus e, agora, está fazendo o mesmo para os iPhones X e 8 Plus.

Não temos muitos detalhes sobre como exatamente a Apple teria replicado a tecnologia desta outra empresa, mas a patente número 9.857.568, registrada pela Coretronics no novo processo trata exclusivamente de um mecanismo de câmeras duplas miniaturizado.

Polêmica

Contudo, a situação pode ser um tanto nebulosa. Os iPhones 8 Plus e X foram lançados pela Apple em setembro do ano passado, mas a Coretronics só conseguiu o registro final da sua patente nos EUA em janeiro de 2018. Para isso acontecer, entretanto, é muito provável que a empresa tenha de fato feito o pedido muitos meses antes.

É curioso destacar que a Foxconn – a principal fornecedora de peças e serviços de montagem para a Apple – e a Samsung ambas investem na Coretronics. Dessa forma, existem pelo menos duas granes companhias por traz dessa patente que a Apple pode ter infringido.

Até o momento, não temos atualizações sobre possíveis desenvolvimento desse novo processo contra a Maçã.

Cupons de desconto TecMundo: