Depois de oito anos de disputas judiciais, a Apple saiu perdedora de sua batalha contra a VirnetX nos tribunais no Texas (Estados Unidos). A VirnetX afirma ser detentora de patentes usadas no iMessage, FaceTime e VPN on Demand — três serviços oferecidos pela Apple para seus consumidores. Após longas análises, a sentença foi firmada em US$ 502,6 milhões em favor da VirnetX.

Vale dizer que essa disputa já vem se arrastando e não é a primeira vez que a Apple é multada no mesmo caso. Em 2016, um juiz ordenou que a Maçã pagasse US$ 625 milhões para a VirnetX, mas retirou a sentença. Meses depois, outro juiz mudou a multa para US$ 302 milhões. Depois de apelações, o valor chegou a US$ 439 milhões e agora um juiz federal ordenou o pagamento de US$ 502 mi.

É importante deixar claro algo levantado pelo Engadget. É quase certo que a Apple irá apelar contra a decisão em cortes superiores, uma vez que o tribunal em que a sentença foi proferida é conhecido por decidir em favor de "Trolls de patentes" — e vários dos casos foram anulados pelos tribunais de patentes dos Estados Unidos. De acordo com a Bloomberg, as ações da VirnetX chegaram a subir 44% após a sentença. 

Cupons de desconto TecMundo: