Apple confirmou uma informação que até então só havia sido publicada com base em fontes anônimas. A empresa criadora do iPhone passou a usar os serviços de nuvem da Google para armazenar os dados de usuários do iCloud, incluindo backups de fotos, vídeos, notas e configurações de dispositivos.

A mudança foi percebida na nova versão do documento Guia de Segurança do iOS, lançado pela Apple em janeiro. Em edições passadas, a companhia afirmava usar sistemas de armazenamento de dados da Amazon e da Microsoft. Ao que tudo indica, o Microsoft Azure foi trocado pela Google Cloud Platform.

O guia também explica como a Apple preserva a segurança dessas informações, garantindo que todos os arquivos são criptografados, separados em pedaços e enviados sem conter nenhum dado que possa identificar os usuários. De acordo com fontes anônimas, o contrato com a Google ficou em um valor entre U$ 400 milhões e U$ 600 milhões.

Cupons de desconto TecMundo: