Parece que a temporada de IPOs está oficialmente aberta em 2018. Depois do Spotify, o Dropbox preencheu a papelada necessária para dar entrada na sua oferta pública de ações. Mas, diferente da plataforma de streaming de música (que optou pelo processo de listagem direta), a plataforma de compartilhamento de arquivos seguirá os passos “tradicionais".

Ou seja, já procurou apoio dos bons e velhos bancos de investimento para lidar com os trâmites. Goldman Sachs e JPMorgan Chase são as principais instituições cotadas para a tarefa.

Failure is not an option

Antes de ir à público, o Dropbox se preocupou em otimizar sua operação para apresentar um negócio rentável. Desde 2015, a empresa foca em duas estratégias: 1) ampliar a oferta de serviços do seu plano empresarial; 2) economizar, economizar e economizar.

Tem até uma historinha legal sobre esse último ponto. Numa reunião com toda a galera da empresa, o CEO, Drew Houston, perguntou se os funcionários já haviam visto a companhia gastar dinheiro de uma maneira que eles próprios não gastariam. E um pessoal levantou a mão, dizendo que sim. "Isso acabou", foi a resposta do chefe.

E então, o novo objetivo do Dropbox se tornou "virar o tipo de negócio sobre o qual até Warren Buffett diria 'sim, essa barraca de limonada faz dinheiro'".

DropboxServiço tem mais de 500 milhões de usuários

Daí que o serviço passou os últimos anos aprimorando a plataforma de nuvem (para ficar independente dos servidores da Amazon), trabalhando na velocidade de transferência dos arquivos enviados pelos usuários e, claro, cortando custos. E a parada parece ter funcionado, já que o Dropbox não só se tornou uma empresa bem-vista pelo mercado, como aumentou suas vendas anuais para mais de US$ 1 bilhão no ano passado.

A companhia continua rentável mesmo depois de descontar despesas como juros, impostos, depreciação e amortização. Avaliada em US$ 10 bilhões em sua última rodada de private funding, que aconteceu em 2014, a expectativa é a de que consiga captar um valor acima desse valuation depois do IPO.

Curtiu o texto? Saiba que isso é só um gostinho do que é publicado diariamente na newsletter do The BRIEF, que traz as principais notícias do mercado de tecnologia pra você, todas as manhãs. É serious, é business, mas com um jeitão bem descontraído (#mozão). Para assinar, é só clicar ali -> aqui

O Dropbox se prepara para um IPO de respeito via The Brief

Cupons de desconto TecMundo: