Dois grandes investidores da Apple – o Jana Partners e o Sistema de Aposentadoria dos Professores do Estado da Califórnia (CalSTRS) fizeram um pedido que reflete bem a atual preocupação de parte do público norte-americano com a fixação das pessoas por seus smartphones. Segundo o The Wall Street Journal, ambas afirmaram que a Maçã deveria tomar medidas para lidar com o que eles chamam de um problema crescente de “vício de iPhone nos jovens”.

De que forma os grupos gostariam que a empresa tomasse medidas, por sua vez? A resposta é simples. Em uma carta entregue à Apple, ambas pedem que a empresa considere a criação de um software que permita aos pais limitarem o uso do celular de seus filhos. Não limitados a isso, as companhias, que juntas têm aproximadamente US$ 2 bilhões em ações da Maçã, também pedem um estudo sobre o impacto do uso em excesso dos celulares na saúde mental.

Se alguma medida será tomada? Infelizmente, tanto a CalSTRS quanto a Apple não emitiram comentários em resposta à questão; logo, teremos que esperar para ver se algo realmente será feito com relação a isso.

Cupons de desconto TecMundo: