Uma falha cometida por um usuário não identificado da gigante de investimentos em criptomoedas Parity Tecnhologies pode ter resultado em um prejuízo em potencial na casa dos 280 milhões de dólares para a companhia. Isso porque alguém teria acidentalmente apagado a biblioteca de códigos usada pela empresa em várias de suas wallets multi-sig de Ethereum, impedindo o acesso a todas aquelas criadas por eles desde 20 de julho.

Para quem não sabe, uma carteira multi-sig utiliza um sistema de múltiplas assinaturas para permitir qualquer transação feita por ela. A ideia é que, com ela, empresas que trabalham com criptomoedas têm uma camada extra de segurança – afinal, isso impossibilita que um funcionário mal-intencionado roube parte desses valores.

O problema, porém, acontece em casos como esse, em que uma única assinatura faltando torna impossível o acesso às wallets.

A Parity Technologies, vale notar, revelou o ocorrido através de seu Twitter, mas não informou o valor total de Ethereum bloqueado com o caso. Como notado pelo Business Insider, porém, especialistas acreditam que a empresa tem 20% de toda a rede da moeda virtual. Já alguns familiares no assunto afirmam que o prejuízo total está em torno dos já mencionados 280 milhões de dólares – embora a Parity negue a questão.

Por fim, a companhia deixa claro que, dentro de seus conhecimentos, os fundos das carteiras estão congelados. Ainda não há qualquer informação quanto aos esforços da companhia para corrigir tal falha, nem uma previsão de quando a situação será resolvida (isso, claro, se ela puder ser corrigida). Resta esperar para ver o resultado do caso. 

Cupons de desconto TecMundo: