Uma dúvida recorrente no mundo da informática é se deixarmos o computador ligado pode danificar suas peças. Será mesmo que um computador fica lento pelo desgaste dos componentes eletrônicos? É o que vamos debater neste artigo, então acompanhe.

A resposta: mito. Um computador não fica lento pelo desgaste das peças, ele fica instável. A instabilidade é um indicativo muito mais forte de que está na hora de trocar de algum componente, enquanto a lentidão é um indicativo de falta de manutenção, defasagem do computador, vírus, etc.

Para começar, os componentes eletrônicos

Todo e qualquer componente eletrônico tem o que chamamos de vida útil – simplesmente o tempo em que ele funciona. As substâncias químicas que compõem qualquer peça se deterioram e perdem suas propriedades com o passar do tempo, isso é absolutamente normal. Mas não há como saber com precisão quanto um componente pode durar.

Ao mesmo tempo em que não é possível estabelecer um prazo de validade para um computador, é certo que processador, placas, fontes, cooler – enfim, qualquer peça – não vão durar pra sempre. Estipula-se que um computador dure em média entre dois e quatro anos.

Componentes de um computador podem ficar instáveis com o tempo.Mas há um detalhe que torna o conceito de vida útil muito relativo: a aplicação e a finalidade do computador. O avanço dos softwares é muito rápido, e os componentes de hardware precisam acompanhar as exigências de software. Logo, um computador de dois anos pode não ser suficiente para um programa pesado de hoje. Neste caso, certamente há a lentidão do sistema, mas ela não tem relação nenhuma com o tempo de uso do computador. É um tanto óbvio que um 486 não foi feito para Photoshop, certo?

Importante é ter em mente que um processador não vai perdendo sua capacidade com o tempo. A velocidade dele será sempre a mesma: ou ele funcionará como deve ou então dará sinais mais contundentes de que algo está errado, bem ao estilo 8 ou 80. Componentes eletrônicos não vão definhando até o último suspiro, eles morrem e pronto.

Quase todos os discos rígidos atuais, por exemplo, tem um tipo de tecnologia que informa ao usuário de que ele pode estar “batendo as botas”. E esta lógica funciona para outras peças. Componentes “nas últimas” podem esquentar, entre outros problemas. Para o usuário, isso não significa lentidão, significa instabilidade. Telas azuis são frequentes, assim como travamentos repentinos.

O que você pode fazer

Manutenção básica ajuda a prolongar a vida útil de um PC.A média de dois a quatro anos é boa pelo padrão de avanço de hoje, mas um computador pode chegar tranquilamente a 10 anos de vida útil. Para isso, é necessário, além de componentes de qualidade e modernos, uma série de pequenas medidas preventivas.

Para hardware, a limpeza é fundamental para aumentar a vida útil. Fonte, dissipadores e coolers devem sempre estar limpos e com ventoinhas lubrificadas. Encaixes de placas e memórias também podem ter utilidade por mais tempo com contatos limpos. Estes são apenas alguns exemplos. Não deixe de ler este artigo com dicas para limpar um computador corretamente e este outro artigo com dicas para aumentar a vida útil de um PC.

Outra medida que ajuda a prolongar a utilidade de um componente eletrônico é simplesmente não “forçar a barra”. Utilizar hardware compatível com as exigências dos softwares e evitar o overclock, por exemplo. Quanto mais exigido um componente for, maior é a chance de ter problemas.

A lentidão em si

Como ficou mais claro, a lentidão de um computador é um forte indício de falta de manutenção ou incompatibilidade com software, basicamente. As dicas básicas para evitar que um computador perca rendimento incluem limpeza periódica de arquivos temporários e inúteis e evitar usar mais programas do que a memória RAM suporta.

Usar um disco rígido sempre com quase toda a capacidade ocupada também pode deixá-lo lento. Mas atente: um HD de 100 GB funciona perfeitamente com 95 GB ocupados, o problema é quando apenas 500 MB estão disponíveis. Aí é pedir para ficar lento mesmo.

A desfragmentação do disco rígido também o ajuda a ficar sempre rápido. Obviamente que cuidado com vírus e outras pragas virtuais também evita que o computador fique lento.

Em resumo, o uso adequado de um PC às suas capacidades sempre o fará rápido. Esperamos ter ajudado você a elucidar mais esta dúvida. Não deixe de participar, comente e colabore com outros usuários. Até a próxima.

Cupons de desconto TecMundo: