Ontem, nós noticiamos o caso de uma escola da cidade de Bocaiúva, em Minas Gerais, que virou piada na internet por ter divulgado uma campanha publicitária onde algumas de suas alunas usavam o MacBook como se fosse um iPad.

Como a “internet” é impiedosa, em poucas horas surgiram dezenas de montagens satirizando a imagem principal da campanha, como você pode conferir aqui. Apesar de a publicidade obviamente não ter gerado os frutos planejados, a instituição de ensino soube contornar o problema de maneira bem humorada.

No seu perfil no Facebook, a Siec - Sistema Educacional publicou um comunicado pedindo desculpas a todos os envolvidos e brincando com uma imagem de Bê Calixto, diretora geral da instituição de ensino, segurando o laptop da Apple como se fosse o tablet da marca.

“Primeiramente, ERRAMOS NA FOTO! Pedimos desculpas aos nossos alunos, colaboradores, parceiros e demais envolvidos pelo erro grosseiro que cometemos ao veicular imagens de um MacBook Pro fazendo-se passar por um iPad. Entendemos a consternação de todos e por isso pedimos desculpas”, informou a escola em nota.

“Apesar do grosseiro erro publicitário cometido, gostaríamos de ressaltar que a falha foi fruto da falta de cuidado da nossa equipe de publicidade, QUE TENTOU UTILIZAR UM LAPTOP PARA ILUSTRAR UM TABLET. Não era intenção da escola gerar publicidade enganosa, tampouco expor de maneira negativa nossos alunos, com quem prezamos um ótimo relacionamento. Infelizmente, foi escolha da agência ilustrar um produto utilizando outro. E a aprovação da arte foi de nossa responsabilidade, portanto todos somos responsáveis pelas peças”, explicou a Siec.

“Desculpas feitas, gostaríamos agora de parabenizar os mesmos alunos, colaboradores, parceiros, publicitários, fotógrafos, designers e demais envolvidos pelos “memes” super engraçados, pelas piadas, pela criatividade e pelo bom humor – mesmo que alguns poucos tenham passado dos limites”, complementou a publicação na rede social.

Cupons de desconto TecMundo: