(Fonte da imagem: Reprodução/LA Times)

Uma das estrelas do festival South by Southwest (SXSW), Kim Dotcom desafiou a indústria de Hollywood e o governo dos Estados Unidos durante uma conferência realizada através do Skype. Afirmando que Hollywood faz parte de uma indústria ultrapassada, o responsável pelo Megaupload chegou a afirmar que ele nunca vai ser preso devido à sua famosa criação.

“Eu nunca vou ficar em uma prisão nos Estados Unidos, eu posso garantir isso a vocês”, afirmou ele a uma plateia de 600 pessoas, formada em sua maioria por membros da indústria de alta tecnologia. Dotcom foi indiciado pelo FBI em janeiro de 2012, acusado de usar seu site como uma forma de lucrar em cima da distribuição de arquivos que infringem direitos autorais.

Segundo o fundador do Megaupload, a grande procura de pirataria na internet é em parte reflexo das táticas de distribuição antiquadas usadas por Hollywood. “Quando os estúdios lançam filmes nos Estados Unidos e não os tornam disponíveis em qualquer outro lugar do mundo durante três a seis meses, isso encoraja a pirataria”, afirmou ele.

Um estudo conduzido pela Carnegie Mellon, financiado pela Motion Picture Association Of America, mostra que o fim do site de Dotcom correspondeu a um aumento entre 6% a 10% na venda de filmes digitais em 12 países. Ele contesta essas informações já que, segundo o empresário, elas são tão confiáveis quanto as pesquisas sobre o fumo conduzidas por empresas produtoras de tabaco.

Cupons de desconto TecMundo: