(Fonte da imagem: iStock)

E quando finalmente achamos que o caso Megaupload já estava se acalmando, mais novidades sobre a guerra entre os Estados Unidos e Kim Dotcom vêm à tona. Mas, dessa vez, a situação não parece nada boa para o empresário.

Isso porque uma decisão da Corte de Apelação da Nova Zelândia definiu que o governo americano não vai precisar entregar todas as evidências contra Dotcom para poder extraditá-lo para os Estados Unidos – basta que eles entreguem um sumário do caso, segundo o CNet.

A perda de sua maior arma não deixou Kim Dotcom nada feliz, que tweetou dizendo estar desapontado com a decisão. Mas ele também esclarece que não pretende desistir: “A luta continua. Em seguida é a Suprema Corte da Nova Zelândia”, disse no Twitter.

Cupons de desconto TecMundo: