Depois das informações de ontem, nas quais o FBI afirmou que a Carpathia e a Cogent Communications Group, responsáveis pelos servidores do Megaupload, iriam apagar os dados até a próxima quinta, as empresas foram incisivas em negar tal objetivo. De acordo com um representante da Carpathia, “nós não temos, e nunca tivemos, acesso ao conteúdo hospedado pelos servidores do Megaupload”.

A empresa ainda alerta aos usuários do serviço de hospedagem que ela não é responsável pelos dados armazenados e que os clientes devem “ligar para o Megaupload, e não para eles”. As autoridades fizeram o backup de parte dos dados dos servidores para serem utilizados como evidências durante o processo, mas grande parte do conteúdo, mesmo legalizado, seria perdido no processo.

Em um pronunciamento feito pelo Twitter, Ira Rothken, advogado do Megaupload, afirmou que “Carpathia e Congent concordaram em preservar os dados dos clientes por pelo menos mais duas semanas, enquanto o Megaupload trabalha em uma apelação no caso”.

Cupons de desconto TecMundo: