(Fonte da imagem: Reprodução/Mega)

Depois de um ano lutando contra a justiça por conta do fechamento do Megaupload, neste sábado (19) Kim Dotcom lança oficialmente o Mega, a nova versão do polêmico site que foi fechado pelas autoridades norte-americanas.

Prometendo 50 GB de armazenamento gratuito para todos, o serviço, segundo o seu fundador, está completamente dentro da lei. Além do espaço em disco disponibilizado, o site terá ainda planos mensais para aqueles que necessitarem de mais espaço. Os valores variam entre 10 euros (500 GB) e 30 euros (4 TB).

Dotcom afirma que o Mega é diferente do Megaupload, pois permite que o proprietário do arquivo controle exatamente quem acessa os arquivos armazenados no site. Um sistema de criptografia vai permitir ainda que os usuários enviem os arquivos para os servidores do site, que estão localizados na Nova Zelândia.

“Uma coisa precisa ficar clara: isso não é um tipo de provocação ao governo dos EUA ou a Hollywood”, explicou Dotcom. “Legalmente, não há nada lá que pudesse ser usado para nos calar. Este site é tão legítimo e tem o direito de existir tanto quanto o Dropbox, o Boxnet e outros concorrentes”, finalizou.

Cupons de desconto TecMundo: