A tomografia computadorizada (tradução da sigla em inglês CT) é uma verdadeira maravilha da tecnologia para a medicina. Graças a esse procedimento, várias doenças e condições podem ser diagnosticadas pelos médicos sem que haja a necessidade de “abrir” o paciente.

Seu funcionamento é bastante simples de entender: feixes de raios X produzem imagens que são processadas por um computador para criar “faixas” de partes do corpo ou de um órgão selecionado. O “produto” de uma tomografia computadorizada é impressionante de se ver e a nova tecnologia criada pela General Eletric (GE) apenas confirma isso.

Revolution CT

Em 2013, a GE apresentou um scanner super-rápido batizado de Revolution CT. Esse equipamento é o responsável por produzir, em uma velocidade impressionante, as imagens que você confere nesta matéria.

Em setembro de 2014, o equipamento foi utilizado pela primeira vez em um hospital da Flórida, Estados Unidos, e se destacou pela baixa quantidade de radiação emitida, capacidade de cobrir vários órgãos e um recurso de correção que permite gerar imagens de alta resolução de vasos sanguíneos, tecidos e ossos.

Um pouco menos assustador

Quem já realizou esse procedimento sabe como o processo pode ser assustador. Porém, o Revolution CT também foi concebido para lidar com esse problema, oferecendo uma experiência menos aterrorizante aos pacientes.

A máquina foi desenvolvida por cientistas e engenheiros do GE Healthcare e do GE Global Research em parceria com médicos da área. “Um ponto central em nossa estratégia na GE Healthcare é fazer parcerias com os nossos clientes para entendermos suas necessidades clínicas e operacionais e desenvolver uma tecnologia de última geração para entregar os resultados necessários”, disse o CEO da GE, Jeff Immelt.

Os GIFs nesta matéria apenas comprovam: a Revolution CT é uma máquina realmente impressionante e provavelmente será capaz de ajudar muitos pacientes na busca da cura e do tratamento de suas condições. Um viva à tecnologia!

Cupons de desconto TecMundo: