Um grupo de graduandos do Programa de Telecomunicações Interativas da Universidade de Nova York acaba de desenvolver uma API (Interface de Programação de Aplicativos, na sigla em inglês) de licença livre que permite que se controlem os braços de outras pessoas remotamente.

Denominado Open Limbs, o programa utiliza um joystick, um teclado ou o acelerômetro de um iPhone para controlar a movimentação dos membros “através da internet”. Os movimentos são recriados por meio de pulsos elétricos conectados aos nervos diretamente ligados à musculatura, o que provoca as contrações.

Na demonstração conduzida durante o evento ITP, os movimentos foram controlados também por intermédio de um Wilmington Robotic Exoskeleton (WREX), um dispositivo ortopédico desenvolvido para auxiliar pessoas com músculos fracos a moverem os braços.

Alternativamente, os eletrodos também foram ligados a um sensor infravermelho que rastreava os movimentos do dedo, de forma que a movimentação pôde ser provocada com um simples movimento em frente ao aparelho.

Pretensões médicas

No futuro, API pode servir para controlar quaisquer membros de pessoas com paralisias. (Fonte da imagem: Reprodução/Vimeo)

Naturalmente, as pretensões da equipe da Universidade de Nova York vão além de uma demonstração com alguns sorrisos desconcertados (confira o vídeo que abre este texto). “Nós estamos realmente interessados em controles não autônomos de partes do corpo, de forma que outras pessoas possam controlar os seus movimentos”, afirmou Will Canine, um dos criadores do projeto — e também a cobaia do vídeo — ao Yahoo! News.

“Normalmente essa ideia assusta as pessoas, mas nós pensamos em implicações realmente interessantes para pessoas com paralisias ou que, por algum motivo, não possam controlar seus movimentos corporais.” Até o momento, a API permite apenas que se controlem os antebraços e os bíceps — já que as pernas seriam muito pesadas. Entretanto, os estudantes esperam que a tecnologia possa ser desenvolvida a fim de servir também a outros membros.

Cupons de desconto TecMundo: