(Fonte da imagem: Divulgação/Amazon)

Comprar um leitor digital pode ficar mais barato em breve. Isso porque o Senado aprovou o Projeto de Lei que isenta os aparelhos e os e-books de impostos de importação, o que deve diminuir consideravelmente o valor do Kindle e demais aparelhos do gênero no país.

A decisão foi feita de maneira unânime, uma vez que todos os senadores consideraram que não há lógica em taxar os livros digitais se a versão “física” pode entrar no país sem qualquer tipo de tributação. A grande vitória é que, além dos e-books, os e-readers também entram na lista, pois o Projeto 114/2010 descreve como livre de cobrança todo equipamento “com função exclusiva ou primordial a leitura de textos em formato digital”.

Isso significa que os produtos do gênero ficarão mais baratos? Ainda não, mas a votação no Senado é um grande passo em direção a isso. Para que a medida se torne de fato uma lei, ela precisará ser decretada pela presidente Dilma Rousseff — mas levando em consideração a quantidade de votos que o projeto teve, é difícil imaginar um veto a essa altura do campeonato.

Fonte: Jornal do Senado, Economia SC

Cupons de desconto TecMundo: