(Fonte da imagem: Divulgação/Kobo)

Com a vinda da Amazon para o Brasil agendada para o início de 2013, várias companhias do segmento já começaram a se mexer a fim de reagir diante da entrada da gigante no mercado nacional. É o caso da Livraria Cultura, que anunciou uma parceria com a empresa Kobo a fim de popularizar o acesso aos leitores digitais para poder bater de frente com o Kindle.

A ideia é que, até o fim do mês de outubro, os aparelhos já estejam disponíveis nas lojas do país. Ainda que os modelos ofertados não tenham sido confirmados, a companhia afirmou que a proposta é trazer de uma a quatro opções, sendo o Kobo Touch a única certeza até o momento.

O preço é outro ponto que ainda não está definido, mas que já pode dividir opiniões. Isso porque a livraria declarou que o plano é oferecer o leitor por, no máximo, R$ 500. No entanto, é preciso levar em consideração que o Kobo Touch, com suporte a redes Wi-Fi e à tecnologia touchscreen, é vendido por US$ 129 no Estados Unidos, ou seja, cerca de R$ 260 na cotação atual.

Acervo invejável

De acordo com a coluna Mente Aberta, do site Época, a união entre a Cultura e a canadense Kobo se deu exatamente pelo fato de a empresa brasileira apoiar a política de transferência de conteúdo que a fabricante oferece entre seus dispositivos. Além disso, essa parceria também vai trazer ao consumidor o acesso ao acervo com nada menos do que 3 milhões de obras no formato ebook.

O único problema será o idioma, já que “somente” 15 mil livros estarão em português. No entanto, a livraria acredita que, com o tempo e a maior adesão do público à tecnologia, a quantidade de opções aumente consideravelmente. Porém, para quem procura obras estrangeiras em sua língua nativa, o catálogo disponível é fantástico.

Por fim, a Cultura afirmou que pretende manter o preço do livro digital em torno dos R$ 15 e R$ 30 — valor que já é cobrado nos títulos disponíveis atualmente. No entanto, para que isso se torne uma realidade quando o Kobo Touch chegar ao mercado, é preciso que as editoras também abracem a ideia.

Fonte: Mente Aberta

Cupons de desconto TecMundo: