Semáforo-ampulheta pode diminuir acidentes de trânsito

Fonte da imagem: Yanko Design

Semáforos são eficazes na hora de avisar a um motorista que ele deve parar ao acender a luz vermelha ou acelerar com a luz verde. Porém, os intervalos entre cada situação – e a luz amarela intermediária – são um problema grave. O semáforo-ampulheta pretende reduzir o risco de acidentes a partir de um conceito bastante familiar.

Uma das primeiras ferramentas para a medição do tempo, a ampulheta revela intervalos fixos pelo escorrer de areia entre dois bulbos de vidro. No trânsito, o sinal, que baseado no mesmo princípio sugere a utilização de LEDs que, dependendo do estado necessário, mudam de cor. A diferença de preenchimento de cada parte da ampulheta indicaria ao motorista o tempo restante para a parada ou passagem dos veículos.

Os três estados do semáforo-ampulheta

Fonte da imagem: Yanko Design

Chamado Sandglass (ampulheta, em inglês), o conceito desenvolvido por Thanva Tivawong apresenta, durante a luz amarela, a contagem regressiva 3 - 2 - 1 para evidenciar ainda mais o tempo restante entre a troca da luz verde para a vermelha, e vice-versa.

Cupons de desconto TecMundo: