Um dos segmentos da indústria de eletrônicos que mais deve se destacar em 2010 é o de aparelho de televisão. Historicamente, em anos de Copa do Mundo o produto tem um aumento no volume de vendas. Aliado a isso, fabricantes e lojas de departamento costumam realizar diversas promoções e este pode ser o momento ideal para trocar de aparelho ou adquirir aquele modelo dos seus sonhos.

Para auxiliá-lo nesta árdua tarefa - afinal são centenas de modelos e diversas configurações que devem ser levadas em consideração antes da compra de um produto – o Portal Baixaki apresenta diversas análises de produtos eletroeletrônicos. Não se trata de dizer se você deve ou não comprar o aparelho em questão e sim conferir seus principais pontos positivos e negativos.

Desta vez, recebemos a TV LCD D42H831 da AOC. O modelo tem tela de 42 polegadas, resolução Full HD (1920 x 1080) e conversor digital integrado. Confira um panorama geral do produto e os detalhes de suas especificações técnicas.

Especificações técnicas

 

Especificações técnicas

Aprovado

Do que nós gostamos

Design

Seguindo a linha de produtos lançados em 2009 pela AOC, o modelo D42H831 mantém as mesmas características de outros aparelhos de diferentes tamanhos. Assim, a exemplo dos modelos 32D32W831 e L42H831, ambos analisados pelo Baixaki, o design de construção segue o padrão igual.

O acabamento é na cor black piano e, envolta do aparelho, a moldura reveste-o como uma película, tornando o aspecto agradável e moderno. No quesito prático, o polimento garante uma superfície que evita marcas de digitais no aparelho, preservando seu visual elegante por mais tempo. Os cantos arredondados e suaves completam o design.

As caixas de som estão posicionadas na frente do produto, proporcionando o melhor impacto sonoro possível ao espectador, sem interferências ou distorções. Sete botões compõem o menu lateral de acesso rápido à principais funções.

 

Visual do produto. Imagem: AOC/Divulgação.

Controle remoto e acesso às funções

Volume, transição entre canais, menu, input (para seleção de fonte de entrada) e power são os botões disponíveis. O acesso completo às funções do produto é feito pelo controle remoto. Ele é apresentado num formato compacto e ergonômico, com seu uso claramente descrito em cada um dos botões.

Já em se tratando de conexões, o aparelho as disponibiliza elas em sua lateral direita e na parte traseira. À direita o destaque fica por conta de um dos maiores diferenciais do produto, a conexão para utilização de antena ou cabo digital. Além disso, uma entrada S-Video/AV completa esta parte.

Visual do produto. Imagem: AOC/Divulgação.

Conexões

Em se tratando das especificações das conexões traseiras o aparelho é excelente. Tanto é que todos os itens estão claramente indicados, de modo que fica fácil para o usuário menos experiente reconhecer em qual entrada deve inserir um cabo específico.

O modelo D42H831 tem ainda opção para utilização juntamente com suporte de parede (não incluso). A base do aparelho é de fácil encaixe: com o televisor deitado (tela voltada para cima), basta encaixá-la com suavidade na parte de baixo do produto. Quatro parafusos com alças de suporte - que dispensam chave de fenda - garantem maior sustentação.

A base pode ser girada com leveza em um ângulo de aproximadamente 45 graus - tanto para a esquerda como para a direita. A flexibilidade é suficiente para garantir um bom posicionamento do produto diante do seu campo de visão.

Detalhe do produto. Imagem: AOC/Divulgação.

Manual de instruções

Um item que sempre temos chamado atenção em nossas análises é o manual de instruções do produto. Embora muitas empresas optem hoje em dia por reduzir o número de informações impressas, disponibilizando mais detalhes na internet, não deixa de ser relevante que a mercadoria tenha um bom guia para consulta rápida.

Nesse quesito o modelo D42H831 da AOC se sai relativamente bem. Todas as informações necessárias para o usuário, indicando como deve ser feito o manuseio de cabos e conexões, bem como a utilização do controle remoto para acesso aos menus, estão dispostas claramente no manual.

A ressalva fica por conta da falta de informações técnicas do produto, como contraste, brilho e quantidade de cores, encontradas somente no site. Por ocuparem pouco espaço - ainda mais se levarmos em consideração que o manual tem 40 páginas – é de se estranhar que elas não estejam citadas também na versão impressa.

Detalhe do produto. Imagens: AOC/Divulgação.

Cabos inclusos

O aparelho inclui ainda dois cabos complementares. Um VGA - VGA para que você possa ligar o computador e utilizar o aparelho como monitor, e um cabo PC - Áudio, para que a saída de áudio do PC passe a ser as caixas de som do aparelho de TV.

Consumo de energia

Segundo o manual dos usuários o consumo médio de energia informado para o aparelho em operação é de 250W, um valor que está dentro da média de produtos similares no mercado. Nos modelos anteriores aqui avaliados não havia menção a certificações de qualidade nesse quesito.

No entanto, no modelo D42H831 um selo informa que o produto foi avaliado pelo INMETRO no quesito “consumo de energia de televisores em modo de espera (standby)” e, nos testes foi aprovado. Com isso passa a utilizar também a Etiqueta Nacional de Conservação de Energia (ENCE), sinal que o produto apresenta condições ideais para o bolso do consumidor e para amortecer o impacto no meio ambiente.

 

Visão lateral do produto. Imagem: AOC/Divulgação.

Qualidade e desempenho de imagem

Com resolução de tela Full HD (1920 x 1080) o modelo D42H831 não deixa em nada a desejar no quesito qualidade de imagem. Com duas entradas HDMI, o produto é a opção perfeita para quem pretende usufruir qualidade máxima de imagem em mídias com o Blu-ray ou video games como o Xbox 360 e o Playstation 3.

As opções de configuração dos menus são satisfatórias e suficientes para garantir um bom controle de cores e imagens. No entanto, alguns usuários mais detalhistas podem sentir falta de certos itens, em especial na mudança individual da tonalidade de cores RGB.

O ângulo de visão do produto também não prejudica o espectador que esteja posicionado em diagonal ao centro da tela. A variação de cores nesse sentido é mínima e não compromete o resultado final. A luz de fundo (backlight) pode ser atenuada ou intensificada a critério do espectador. Para quem gosta de assistir à programação de TV aberta e TV a cabo, o modelo conta também com conversor digital integrado, um diferencial significativo nesse sentido.

Reprovado

O que espantou o Baixaki

Posicionamento das conexões

Nesse item vale uma menção: contando com duas saídas HDMI é de se estranhar que ambas tenham sido colocadas lado a lado apenas na traseira. Numa condição ideal, uma delas poderia estar disposta na lateral, garantindo um acesso mais rápido em casos em que o aparelho é fixado com suporte na parede.

Áudio

Este talvez seja o maior dos problemas do aparelho da AOC. A qualidade de áudio é bastante inferior a tudo que o produto oferece. Para começar são duas caixas de som com 7W de potência cada. O resultado é um som baixo e que – para ser ouvido em condições aceitáveis – precisa estar em pelo menos 30% do volume.

Felizmente, o “problema” pode ser resolvido com facilidade, bastando para isso que o usuário integre o televisor com um sistema de som complementar, como um home theater de, ao menos, dois canais. O aspecto pode até não prejudicar o desempenho no cotidiano de espectadores menos exigentes, mas sem dúvida pesa contra no caso daqueles que pretendem extrair o máximo em qualidade.

Detalhe do produto. Imagem: AOC/Divulgação.

Avaliação Final

Vale a pena?

Com muito mais pontos positivos do que negativos, o modelo D42H831 da AOC se mostra como uma ótima escolha para o usuário, atendendo de maneira satisfatória a quase todos os requisitos que um produto do segmento deve compreender.

Entre os pontos positivos, podemos destacar a boa relação custo-benefício do produto - encontrado em lojas online numa faixa de preço entre R$ 2500 e R$ 2800 - e o número considerável de recursos que o televisor oferece, como resolução de imagem Full HD e conversor digital integrado. Tudo isso aliado a um belo design de construção.

Entre os pontos negativos o maior destaque fica mesmo por conta dos aspectos da qualidade de áudio, muito baixo mesmo para os padrões convencionais de um usuário comum. Para aqueles que pretendem utilizar o aparelho com o máximo de sua potência, vale adquirir um sistema de som complementar.

Cupons de desconto TecMundo: