De acordo com uma publicação do MSNBC, os raios laser são capazes de auxiliar no processo de formação da chuva. A pesquisa realizada por Jerome Kasparian (físico da Universidade de Genebra, na Suíça) poderia ser usada para amenizar a falta de água em áreas com clima árido, onde a seca castiga a terra e a população.

Um feixe de laser vermelho e da nuvem de partículas geradas, iluminada por um laser verde auxiliar. (Fonte da imagem: J.P. Wolf/University of Geneva)

O estudioso garante que é possível controlar a umidade por meio de raios laser. Em sua pesquisa, ele descobriu que esse tipo de raio promove o crescimento de gotículas de vapor em regiões que estejam com no mínimo 70% de umidade relativa do ar. Devido a essa alta exigência, Kasparian afirma que "ainda estamos bem longe de criar chuvas com raios laser em qualquer lugar".

Até o presente momento, o cientista conseguiu fazer com que as partículas de água crescessem. Porém, o ideal para a precipitação da chuva é que essas gotículas tenham de 10 a 100 vezes o tamanho atingido.

Essa não foi a primeira tentativa de forçar a formação da chuva. Cientistas já lançaram partículas de gelo seco com iodeto de prata para que as gotículas de águas se formassem em torno desse composto. Contudo, até o estudo de Kasparian, nenhuma pesquisa havia ganhado a confiança da comunidade científica.

Cupons de desconto TecMundo: