Em janeiro deste ano, a Kingston utilizou a Consumer Eletronic Show 2014 como palco para anunciar sua entrada no mercado de acessórios voltados para jogadores profissionais.

Já famosa por seu portfólio de memórias RAM e SSD de altíssima performance, a linha HyperX passou a englobar também o headset Cloud, que foi desenvolvido em parceria com a QPAD – que também é famosa por fabricar teclados, mouses e outros equipamentos de alta qualidade para quem pratica algum eSport.

Previsto para aterrissar nas gôndolas brasileiras “ao longo das próximas semanas”, o aparelho é a aposta da Kingston para bater de frente com grandes nomes, como Corsair, Turtle Beach e Razer – que já são consolidadas nesse segmento e nunca ficam de fora dos maiores campeonatos de jogos eletrônicos. Tivemos a oportunidade de testá-lo durante uma semana, e acredite: foi mais do que o suficiente para confirmar que a Kingston sabe exatamente o que está fazendo.

Características técnicas

  • Tipo de transdutor (fones de ouvido): Dynamic Closed com drivers de 53 mm
  • Frequência de resposta: 15 Hz – 25 KHz
  • Medida de pressão sonora SPL: 98 ±3dB
  • Tipo de transdutor (microfone): Condensador back electret
  • Frequência de resposta: 100 Hz – 12,000 Hz

Pura ostentação

O HyperX Cloud é inegavelmente um headset premium, e isso pôde ser comprovado por nossa equipe assim que desembalamos o produto. O aparelho vem acomodado em uma elegante caixa preta e bem resistente, acolchoado em espuma, completamente protegido contra eventuais quedas ou acidentes de transporte.

A região traseira da tampa de tal compartimento é enfeitada por uma singela carta de Anders “G8V1k1ng” Willumsen, gerente geral da marca HyperX, que nos deseja boas-vindas ao “time da empresa”. Obrigado, Willumsem!

E os mimos não acabam aí: o Cloud também acompanha uma discreta bolsa para você transportar o equipamento com discrição e segurança, dotada até mesmo de um pequeno bolso (fechado com velcro) para guardar acessórios variados. E, por falar em acessórios, vale observar que todos os componentes extras do headset – cabos, adaptadores e microfones – ficam separados de uma forma bem organizada. Apresentação simplesmente impecável!

Apresentação do produto é simplesmente sensacional

Muito além de qualidade sonora

Um bom headset não se baseia simplesmente em qualidade sonora, e a Kingston sabe bem disso. O HyperX Cloud pode ser facilmente considerado um dos fones de ouvido mais atraentes do mercado, tendo sua estrutura construída em alumínio e algumas regiões (como o arco e conchas dos fones) revestidas com couro sintético. Alguns detalhes – como a costura do couro com fios vermelhos e o logotipo da HyperX com linha preta – dão um acabamento muito charmoso ao acessório.

Essas regiões acolchoadas são incrivelmente macias e, aliadas com a leveza do produto, permitem que você utilize o headset durante horas sem sentir qualquer tipo de incômodo (mesmo com ele repousando em seu pescoço). As conchas dos speakers são grandes o suficiente para encobrir toda a orelha, evitando o clássico problema de dores por conta de um lóbulo apertado para fora dos protetores.

Para pessoas exigentes

O alto nível de qualidade encontrado na apresentação, design e construção do Cloud se repetiu na hora de efetivamente testarmos a potência sonora do headset. De fato, como afirma a própria Kingston, o aparelho foi projetado para oferecer graves potentes e reforçados, ressaltando o som de tiros e explosões em games de tiro em primeira pessoa (FPS). Experimentamos jogar diversos títulos utilizando o equipamento e pudemos confirmar que a sensação de imersão é potencializada pelo headset.

Outra coisa que nos chamou a atenção no Cloud é seu poderoso isolamento acústico: quem gosta de ficar completamente “surdo” em relação aos sons externos na hora de usar fones de ouvido certamente vai ficar satisfeito com o aparelho. O mesmo é válido para o outro lado: o equipamento da HyperX não “vaza” o áudio enquanto estiver sendo utilizado, evitando que terceiros ouçam seja lá o que você estiver escutando.

Conforto é um dos pontos positivos do aparelho

Diferente do que geralmente acontece com headsets voltados para jogatina profissional, o Cloud se mostrou competente durante a reprodução de músicas em MP3, se consagrando como um dispositivo bastante versátil e flexível. Há leves distorções quando você aumenta demais o volume, mas nada crítico a ponto de incomodar o usuário.

Também não temos nenhuma ressalva em relação ao microfone do modelo analisado: a captação sonora é limpa e boa o suficiente para prover uma comunicação clara entre integrantes de uma equipe de eSports. Gostamos do fato dele não ser permanentemente fixado ao headphone: você só o utiliza quando for realmente necessário, plugando-o em um pequeno orifício localizado no driver esquerdo. Sua haste flexível possibilita que você posicione-o da forma mais confortável possível.

Conectividade e acessórios

Como citamos anteriormente, o Cloud acompanha uma série de cabos e acessórios que podem ser utilizados para melhorar ainda mais sua experiência com o dispositivo. Esse é o ponto que chamou a atenção no produto como um todo, pois nem toda fabricante tem a atenção de pensar em tantos adaptadores que os usuários porventura possam necessitar.

A HyperX envia junto um fio extensor de dois metros, um conversor para uso do headset em smartphones (que funde os conectores de áudio e microfone em uma só conexão P2) e um adaptador para assentos de aviões (que, como todos sabem, possuem dois conectores P2). Além disso, o pacote acompanha um fio de um metro dotado de um pequeno switch de controle que lhe permite ajustar o volume, ligar/desligar o microfone e atender/recusar chamadas telefônicas (caso esteja usando o Cloud em um celular).

Ressaltamos, contudo, que esses acessórios são 100% opcionais e não precisam ser sequer desembalados caso você não tenha a intenção de utilizá-los. Por sinal, a facilidade de uso do aparelho é outro ponto positivo: diferente de alguns headsets gamers disponíveis no mercado (que acompanham softwares de gerenciamento e drivers específicos que precisam ser instalados), o lançamento da HyperX só precisa ser plugado no seu computador e já está pronto para ser usado.

Vale a pena?

Sim, vale! Se você é um jogador profissional (ou simplesmente é gamer exigente) e está disposto a investir em um headset de alta qualidade, o HyperX Cloud é uma opção a se considerar. Ele chegará ao Brasil pelo preço sugerido de R$ 399 – um valor razoável e que o coloca no mesmo campo de modelos igualmente respeitados no mercado, como o Razer Kraken Pro, o Razer Blackshark e o SteelSeries Siberia v2.

Além de ter um design muito elegante, o produto agrada sobretudo por conta de seu conforto inigualável, sendo um dispositivo perfeito para extensas sessões de treino e campeonatos exaustivos. O desempenho do aparelho em questão de potência sonora e captação do microfone também não deixa a desejar, com destaque para o excelente isolamento acústico e graves reforçados que aumentam a imersão em games de ação.

Se a HyperX já se consolidou no ramo de memórias e unidades SSD, o Cloud mostra que a marca é capaz de fazer o mesmo no mercado de acessórios para praticantes dos eSports. A companhia entrou no segmento de uma forma respeitável e merece sinceros parabéns pela altíssima qualidade de seu produto: vale cada centavo investido!

Cupons de desconto TecMundo: