Se há uma falha nos comunicadores instantâneos da atualidade, essa é a chamada de vídeo. Por mais que o Skype se mostre bastante potente nesse aspecto, muita gente ainda tem o que reclamar dessa funcionalidade nos principais aplicativos do gênero. O resultado é que, também por isso, as conversas pela web se desenrolam, basicamente, via texto ou, no máximo, por voz.

O panorama atual pode não ser dos melhores, mas o Media Lab do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT), Estados Unidos, colocou uma nova ferramenta a favor das videoconferências: o Kinect. O aparelho que permite ao Xbox 360 reconhecer movimentos dos jogadores, dispensando o uso dos joysticks convencionais, foi usado como uma webcam poderosa.

A capacidade do Kinect de reconhecer profundidade do espaço e também o corpo humano foi empregada no “Kinected Conference”, um experimento que mostrou como a nova tecnologia do mundo dos games pode contribuir bastante com a transmissão de vídeo ao vivo pela web.

O vídeo no topo desta notícia mostra um ambiente todo borrado, porém, a única parte nítida do cenário é o rosto do falante. Ou seja, o equipamento ajuda você a perceber quem fala, marcando inclusive um cronômetro com o tempo de discurso de cada falante, algo que pode ser de grande utilidade para reuniões realizadas via videoconferência, por exemplo.

Outro recurso trabalhado pelo MIT Media Lab foi o de congelamento da imagem. Você pode “travar” a exibição, deixando que sua imagem continue sendo vista, e então se mover pelo ambiente. A demonstração exibe ainda uma função de privacidade, na qual o usuário define quais áreas do quadro podem ou não ser vistas.

A última ferramenta demonstrada nos quase três minutos de vídeo trabalha com a capacidade do Kinect de reconhecer a profundidade do ambiente filmado. Dessa forma, seria possível, por exemplo, medir a distância entre dois objetos diretamente na tela, sem a necessidade de nenhum equipamento auxiliar.

Maiores informações você encontra na página oficial do Kinected Conference.

Cupons de desconto TecMundo: