Quem precisa se barbear constantemente ou sempre depilar as pernas, por exemplo, sabe como o procedimento é sofrido: além de irritar e até machucar a pele, ele é custoso (lâmina e cremes que se desgatam rapidamente) e envolve um grande desperdício de material.

Pensando em todos esses pontos negativos, o pessoal da Skarp Laser Razor foi ao Kickstarter para financiar um projeto ambicioso: uma lâmina que opera a laser e é mais barata e durável que as tradicionais.

Com corpo de alumínio, a Skarp se parece com uma lâmina tradicional, mas não possui a extremidade cortante. No lugar, emite um feixe que corta os pelos na altura do contato com a pele, deixando o barbear liso sem irritar a região. A durabilidade de cada unidade é de até 50 mil horas de uso e não há a necessidade de aplicação de água.

A equipe detectou uma frequência de onda capaz de operar com pelos de qualquer cor, tamanho ou parte do corpo. A luz atinge os cromoforos, partículas que absorvem certas ondas. Já o nome, Skarp, é o sueco para "afiado".

Até agora, o pessoal da Skarp ultrapassou em mais de dez vezes a arrecadação inicial: foram mais de US$ 1,8 milhão doados por homens e mulheres que não aguentam mais dores e prejuízos. Só que o método futurista não sai barato: todas as unidades de US$ 89 já foram vendidas e, agora, você precisa desembolsar no mínimo US$ 189 (cerca de R$ 766). Clique aqui para contribuir.

Você usaria uma lâmina de barbear portátil a laser? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: