A Microsoft fez um anúncio inesperado durante sua conferência para desenvolvedores, a Build 2017, que acontece nesta quinta-feira (11) em Seatle, nos Estados Unidos. A empresa confirmou que a Windows Store ganhará uma versão oficial do iTunes, o popular player de música da Apple.

De acordo com a gigante de Redmond, ela e a Maçã estão trabalhando juntas para trazer o serviço à loja de aplicativos do Windows, o que significa que muito em breve não será mais necessário baixar o app convencional do iTunes para acessar o Apple Music ou sincronizar seu iPhone.

Não foi revelado se a versão para Windows será diferente do modelo atual. Também não foi divulgado quando o programa vai dar as caras na plataforma da Microsoft. O que se sabe apenas é que o lançamento está agendado para algum momento até o final deste ano.

Esta pode não ser uma adição importante à Windows Store, mas mostra que a Microsoft está empenhada em levar alguns dos principais serviços das empresas concorrentes para seu ecossistema. Além disso, só o fato da Apple liberar o iTunes dentro da loja da rival já é um grande destaque, ainda mais dado o histórico rigoroso da companhia que não tem praticamente nenhum app próprio em outras plataformas fora o iOS. As únicas exceções são o Move to iOS e o Apple Music, ambos disponíveis na Google Play Store.

Cupons de desconto TecMundo: