Um adolescente de 16 anos de Alberta (Canadá) sofreu sérias queimaduras após seu iPhone entrar em combustão. Como já aconteceu em diversos outros casos já noticiados na imprensa internacional, o aparelho do canadense pegou fogo enquanto estava conectado ao carregador — que não era original. Isso reacendeu a polêmica sobre os cabos elétricos paralelos que são vendidos ao redor do mundo.

Além de destruir o aparelho e machucar o jovem, a destruição também atingiu um colchão e as paredes do quarto dele. Vale dizer que o carregador não foi comprado em sites especializados em importação. De acordo com os pais do adolescente, o acessório foi adquirido em um posto de gasolina e não possuía certificações de garantia e segurança.

Como você pode ver nas fotografias abaixo deste parágrafo, o iPhone do jovem canadense foi completamente destruído e não sobrou muita coisa para contar a história. Vale lembrar que os carregadores originais podem ser mais caros, mas valem o investimento quando evitam que casos como esse aconteçam, não é mesmo? 

Cupons de desconto TecMundo: