(Fonte da imagem: Reprodução/Projeto ZanZar)

Com o objetivo de inovar e mostrar que, com um smartphone nas mãos, dá pra explorar absurdamente a criatividade, a Pitzi lança o projeto colaborativo Zanzar. A ideia é levar às ruas de São Paulo um iPhone 4S para promover interação sociocultural entre as pessoas e a cidade, fazendo do aparelho o primeiro iPhone “crowd-sourced” no mundo.

O Zanzar teve início no dia 1º de setembro, quando o aparelho foi entregue ao artista Felipe Yung. Durante um dia inteiro, ele gravou vídeos, fez fotos e textos, além de ter abastecido as redes sociais do projeto com tudo o que sua imaginação permitiu.

Finalizado o dia, Felipe passou o iPhone para um novo participante, por ele escolhido, que realizou o mesmo ciclo do dia anterior. Esse processo se repetiu durante todo o mês e vai até o dia 30 de setembro, quando o telefone terá passado por 30 pessoas diferentes, com curadoria da Pitzi e dos próprios convidados.

Ideia inusitada

“Esse é um projeto único, uma ideia inusitada. Com um iPhone, estamos unindo pessoas importantes e de credibilidade no mundo artístico de São Paulo para criar um ambiente onde diversos usuários poderão compartilhar experiências sociais e culturais diferentes”, afirma Daniel Hatkoff, fundador da Pitzi.

Para acompanhar a trajetória do aparelho pelas ruas da capital paulista, é preciso ficar atento às redes sociais do projeto: Facebook, Twitter, Instagram e Tumblr. Ao final do projeto, a Pitzi realizará a exposição dos vídeos, fotos e textos coletados durante todo o Zanzar.

Fonte: Assessoria de Imprensa Pitzi

Cupons de desconto TecMundo: