(Fonte da imagem: divulgação/Apple)

Fãs da Apple podem ficar calmos, a mudança não aconteceu devido à saída de Steve Jobs. Na verdade, não é o iPhone que agora passa a suportar o Flash, mas sim o software da Adobe que foi modificado para poder ser rodado nos portáteis da Apple – de acordo com o que foi anunciado durante a IBC, que acontece entre os dias 8 e 13 de setembro.

Com a nova versão (4.5) do Adobe Flash Media Server, os programadores podem fazer com que o Flash realize a renderização pelo próprio software, não exigindo que o processador faça as tarefas mais pesadas. Dessa forma, o processamento das informações não seria mais responsável pelo aquecimento dos aparelhos e consequente desgaste excessivo das baterias.

Desenvolvedores que quiserem comprar a nova versão do Adobe Flash Media Center podem fazê-lo pelo preço de 4,5 mil dólares. Animações e jogos criados com as versões antigas do Adobe Flash não poderão ser acessados pelo iPhone, apenas se forem convertidos pelos desenvolvedores.

Cupons de desconto TecMundo: