(Fonte da imagem: ZDNet)

Durante a apresentação do novo iPad, ocorrida na última quarta-feira (8 de março), a Apple afirmou que o tablet possui quatro vezes a capacidade gráfica do chip Tegra 3. A NVIDIA não ficou nada feliz com essa história, e está disposta a provar publicamente a superioridade de seus produtos.

Ken Brown, porta-voz da empresa, afirmou que era “certamente lisonjeiro” ser mencionado pela Apple, porém disse que faltaram dados que comprovem o desempenho gráfico do A5X. “Não temos informações de benchmark”, declarou.  “Temos que entender qual aplicativo de medição foi utilizado. Foi só uma ou uma grande variedade de aplicações? Quais os drivers usados? Há vários aspectos que devem ser avaliados em um benchmark”, afirmou o porta-voz ao site ZDNet.

Nova guerra entre GPUs

É pouco provável que a companhia de Tim Cook submeta seu novo produto a uma série de análises para provar as declarações feitas, já que isso poderia se provar prejudicial às vendas do novo tablet. Entretanto, a NVIDIA planeja adquirir um novo iPad e estabelecer por conta própria comparações com os produtos equipados com o Tegra 3. “Em algum momento, vai ficar claro qual a performance real do aparelho”, disse Brown. “Até o momento, a Apple fez uma declaração realmente genérica”, complementa.

Ao que tudo indica, estamos prestes a presenciar uma nova edição da guerra entre chips gráficos de empresas diferentes, dessa vez no campo dos portáteis. Quem acompanha o mercado de GPUs para desktops e notebooks sabe a dificuldade de avaliar o potencial real de novos produtos devido aos diferentes critérios de análise usados pela AMD e NVIDIA para promover seus lançamentos.

Cupons de desconto TecMundo: