(Fonte da imagem: Apple)

Anúncios nas páginas de lojas como a Americanas.com, FastShop, Livraria Saraiva e Walmart confirmam o lançamento oficial do iPad 2 no Brasil para a próxima sexta-feira, 27 de maio. Todos os modelos do aparelho estarão disponíveis, com preço inicial de R$ 1649, mesmo valor cobrado no lançamento da geração anterior do dispositivo.

As condições de pagamento da novidade são variadas, com opção de parcelamento do tablet em até 12 vezes sem juros, em alguns casos. Porém, é preciso ficar atento em relação à loja escolhida, já que muitas adicionam juros de 1,99% ao mês caso o usuário opte por dividir o pagamento em vários meses, o que eleva muito o valor final pago.

(Fonte da imagem: FastShop)

Além dos diversos modelos do iPad, chegam no mesmo dia às lojas diversos acessórios oficiais para o tablet. Entre as opções disponíveis para compra estarão capas protetoras, dock e adaptador de energia. Porém, ainda não há nenhuma indicação do preço cobrado por cada um dos produtos.

Sem festa de lançamento

Ao contrário de anos anteriores, não há previsão de que ocorram festas especiais de lançamento para o novo modelo do tablet na virada do dia 26 para o 27. Nesta data, o aparelho será vendido fisicamente somente através do revendedor oficial da Apple, localizado no Shopping Iguatemi, em São Paulo.

As lojas online responsáveis pela venda da nova versão do tablet só iniciarão as vendas a partir das 0h do dia 27, com estoques e prazos de entrega variados. A previsão é que o aparelho chegue primeiro aos revendores físicos localizados em São Paulo e no Rio de Janeiro, e só depois esteja disponível nas demais regiões do país.

Valor importado

Apesar da publicação da medida provisória que reduz os impostos na produção de tablets produzidos no Brasil, realizada na última segunda-feira (23 de maio), as primeiras peças do iPad 2 a chegar no páis ainda têm o preço baseado no produto importado. Isso porque a MP só beneficia dispositivos produzidos em solo nacional, o que não é o caso do aparelho.

A expectativa é que ainda demore algum tempo para haver uma redução significativa no preço do tablet, já que ainda permanecem incertezas sobre a instalação de uma fábrica da Foxconn no país. Caso os planos se concretizem, somente os aparelhos produzidos localmente terão uma redução imediata em seu preço.

Cupons de desconto TecMundo: