A busca por construir estruturas biodegradáveis acaba de dar um passo considerável graças a uma nova descoberta feita na KTH The Royal Institute of Technology, em Estocolmo. Isso porque pesquisadores do instituto desenvolveram um novo tipo de material de madeira que tem como principal característica sua enorme transparência, como você pode notar pela imagem logo acima.

Chegar a um resultado desses não é nada fácil. O material usa como base a madeira comum, que passa por uma série de processos químicos para perder a cor. Primeiro é feita a remoção da lenhina que compõe a parede celular da madeira; depois, o material resultante, de cor esbranquiçada, fica ainda mais claro com alguns ajustes em escala nanoscópica.

Com isso, resta apenas a aplicação de um polímero transparente na superfície porosa da lâmina de madeira, resultando em composto que permite a passagem da luz, mas é ao mesmo tempo levemente opaco. Ok, esse material não é 100% de madeira, nem resulta em algo tão transparente quanto o vidro comum, mas já é um bom meio-termo para ambos.

O resultado é um material que combina o melhor de dois mundos, totalmente biodegradável e quase tão transparente quanto o vidro comum

Não é preciso dizer que uma ideia dessas tem uma enorme quantidade de aplicações. Seus usos vão bem além da criação de janelas amigáveis ao meio ambiente, mas também na implementação para painéis solares, por exemplo.

Embora o projeto já tenha mostrado uma série de resultados, a equipe ainda tem um longo caminho a percorrer. Entre os objetivos dos pesquisadores está melhorar a transparência do material e sua produção em maior escala, bem como de trabalhar com diferentes tipos de madeira.

Você trocaria sua janela de vidro por uma feita de madeira transparente? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: