Imagem de: Polícia cria criança fake para caçar pedófilos na internet

Polícia cria criança fake para caçar pedófilos na internet

1 min de leitura
Avatar do autor

Combater pedofilia na internet sempre foi um desafio para a polícia, mas a National Crime Agency está colocando em prática uma nova metodologia para lidar com o problema de forma global e muito mais eficiente.

O novo sistema, chamado “Sweetie”, simula uma criança entre nove e dez anos de idade que foi modelada de maneira totalmente digital. O robô, que é controlado por operadores treinados, acessa sites em que é comum a troca de fotos pornográficas e exibições com webcams.

Até o momento, segundo reportado pela BBC, cerca de mil homens já contataram o perfil falso de “Sweetie”, sendo que pelos menos 110 seriam britânicos. A polícia analisa cuidadosamente o comportamento dos suspeitos e trabalha para identificá-los.

Primeiro preso

O australiano Scott Robert Hansen pode ser considerado o primeiro homem detido por causa da armadilha digital. Preso há oito meses no distrito Brisbane, o homem recebeu uma sentença de dois anos de prisão por enviar imagens de cunho sexual à criança fake.

Embora não haja mais informações específicas a respeito das “armadilhas” para pedófilos digitais, é possível que “Sweetie” seja apenas um dos modelos que a polícia utiliza para patrulhar a web em busca de pessoas com distúrbios sexuais que assediam crianças.

Via Em Resumo

Fontes

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Veja também
Polícia cria criança fake para caçar pedófilos na internet