Um relatório divulgado nesta semana pelo BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento) mostra que os países Chile, Barbados e Brasil são os que possuem o maior índice de acesso à banda larga na América Latina. O Brasil é o terceiro colocado e seu índice é maior do que a média dos 26 países somados.

"Só uma de cada seis pessoas tem acesso à banda larga na América Latina", afirmou Antonio García Zaballos, do BID. Segundo o estudo divulgado, o índice da América Latina é de 4,7 em uma escala que varia entre 1 e 8. O Chile lidera com índice de 5,57, seguido por Barbados com 5,47 e pelo Brasil com 5,32.

Apesar do bom desempenho, o relatório final do BID faz questão de afirmar que existem muitas carências a serem sanadas. Países com os Estados Unidos, por exemplo, já em 2012 apresentavam um índice de 6,65. A fórmula leva em consideração itens como políticas públicas e visão estratégica, regulação, infraestrutura e aplicações.

Cupons de desconto TecMundo: