Apesar de existirem diversas medidas em alguns países para permitir o fácil acesso à internet, ainda existem alguns territórios em que o custo de uma conexão pode chegar até 30% do salário mínimo. Pensando em chegar dentro de uma meta traçada pela ONU, diversas empresas, como Google e Facebook, criaram uma aliança para tentar baratear os valores da internet mundial.

A Google se juntou a outras 30 empresas, entre elas Facebook, Microsoft, Yahoo e a brasileira Fundação Getúlio Vargas, e criou a Alliance for Affordable Internet. A ideia da aliança é tentar garantir que os custos da internet mundial não ultrapassem 5% da renda de cada pessoa, conforme meta traçada pela ONU.

O Google já vinha trabalhando em formas de espalhar o acesso à internet em diversos territórios, como a utilização de espaços em branco das frequências televisivas na África. A Alliance for Affordable Internet pretende conseguir o apoio de, pelo menos mais dez países até o final de 2015. Para saber mais sobre o projeto, clique aqui (em inglês).

Cupons de desconto TecMundo: