Call of Duty é simplesmente uma das maiores franquias do universo do entretenimento eletrônico. Além de retratar eventos da Segunda Guerra Mundial, a série também já envolveu conflitos contemporâneos, como em Call of Duty 4: Modern Warfare. A Activision, empresa responsável pelo título, reconheceu o sucesso e resolveu dar continuidade a esta batalha dos tempos modernos. Entretanto, parece que desta vez o impacto será muito maior.

Recentemente, um vídeo exibindo uma determinada etapa que supostamente seria de Modern Warfare 2 — nome dado à continuação — emergiu na internet. Mas, ao contrário do que se imagina, não se trata de uma missão comum. No clipe, o jogador parece encarnar um terrorista e, ao lado de seus comparsas, dispara e mata civis indefesos dentro de um aeroporto em imagens realmente chocantes.

Rio de Janeiro retratado em Modern Warfare 2


Como a cena está fora de contexto, fica difícil confirmar se o jogador realmente será forçado a dar um fim na vida de pessoas inocentes em Modern Warfare 2.

Rumores indicam que esta seria uma missão na qual o gamer é um infiltrado da CIA que deve acompanhar os terroristas até uma emboscada. No entanto, nada ainda foi confirmado.

Herói ou vilão?A autoria do vídeo é desconhecida, e a Activision já retirou o clipe de diversos sites de compartilhamento, como o YouTube, por exemplo, alegando que as imagens provocariam uma impressão negativa do título. Não se sabe ainda como tudo isto foi parar na internet. Provavelmente, o autor conseguiu uma cópia do game em uma loja que faz pré-vendas, pois o título ainda não foi lançado.

Certamente, algo que pode ocasionar muitos problemas, podendo gerar até mesmo uma possível proibição. Se o clipe for mesmo de Modern Warfare 2, prepare-se para muita polêmica. O jogo chega às lojas no dia 10 de novembro para PC, PlayStation 3 e Xbox 360.

Confira abaixo outro trailer do game, liberado oficialmente pela Activision, que demonstra algumas cenas que também são retratadas no vídeo que está causando controvérsia.

Modern Warfare 2 é o jogo mais esperado para computadores em 2009. Especialistas acreditam que no Natal, a cada 2 games vendidos um será do novo título da série Call of Duty. Deixando a grande expectativa de lado, devemos nos lembrar que muitos jogos já causaram polêmica, inclusive no Brasil, tais como: Grand Theft Auto IV, Counter-Strike, Everquest, Doom, Carmageddon, dentre outros.

Portanto, levanta-se uma questão para debate: qual é a linha ética que divide o aceitável do inadequado? Dê a sua opinião!

Cupons de desconto TecMundo: