Os milhões de fãs da banda irlandesa U2, sem dúvida uma das mais populares do mundo, já podem comemorar. Isso porque a banda terá um show transmitido ao vivo pela internet, no portal de vídeos YouTube.

A apresentação em questão é a que acontece no próximo domingo, 25 de outubro às 20h30 (1h30 da madrugada de domingo para segunda, horário de Brasília), no Rose Bowl em Los Angeles, Estados Unidos. A medida demonstra que a indústria do entretenimento entrou definitivamente em uma nova era com o advento da internet e de conexões de banda larga.

Não é a primeira, mas é a maior de todas

Claro que não é a primeira vez que algo será transmitido em tempo real na internet. Não é nem a primeira vez que isso ocorre no YouTube, que recentemente transmitiu uma coletiva de imprensa do presidente estadunidense Barack Obama. Porém, desta vez a quantidade de acessos deverá ser milhares de vezes maior, afinal, estamos tratando de uma banda que já vendeu mais de 145 milhões de discos no mundo todo.

Apesar da novidade (uma banda do porte do U2 tendo um show transmitido ao vivo e gratuitamente na internet), a medida está disponível somente para 16 países e, desta vez, nós brasileiros, estamos incluídos no rol daqueles que poderão acessar o canal da banda no YouTube dia 25 e assistir o show. Os outros 15 países são: Austrália, Canadá, Coréia do Sul, Espanha, Estados Unidos, França, Holanda, Índia, Inglaterra, Irlanda, Israel, Itália, Japão, México e Nova Zelândia.

Novos mercados para transmissões pela internet

O desenvolvimento da internet trouxe consigo novas possibilidades de mercado para comunicação e uma delas é, sem dúvida, a de transmissões ao vivo. Atualmente é possível encontrar vários sites que oferecem somente este tipo de serviço e fazem um certo sucesso, como o Livestream e o Justin.tv.

Recentemente, outro evento na internet virou notícia e gerou polêmica. A partida disputada em 10 de outubro deste ano entre as seleções da Ucrânia e da Inglaterra pelas eliminatórias europeias da Copa do Mundo de 2010 foi transmitida na Grã-Bretanha somente pela internet em cinemas, ou seja, redes de televisão foram deixadas de fora.

Em ambos os casos – internet ou cinema – o espectador inglês teria que pagar um valor para assistir ao jogo da seleção de seu país, o que no caso da web era de 4,99 libras (aproximadamente R$15). Este fato também demonstra o quanto as transmissões ao vivo via internet estão ganhando espaço.

Até mesmo grandes redes de televisão do Brasil já realizam, mesmo que timidamente, este tipo de prática mais relacionado a eventos esportivos (porém, até agora, de modo gratuito). Seguindo esta mesma linha, a Google, através do seu portal YouTube, parece estar disposta a entrar de vez neste ramo, promovendo a transmissão em tempo real de um evento desta magnitude.

U2be

De qualquer modo, ainda é muito cedo para previsões sobre quais são as reais intenções e também quais serão as consequências deste megaevento midiático, porém, pode-se afirmar com certeza de que o processo de renovação na internet é praticamente contínuo, fato este que confere a ela uma importância cada vez maior no mundo contemporâneo.

Particularidades do YouTube

O portal de vídeos, lançado em 2005 e adquirido pela Google em 2006, recebe diariamente cerca de 1 bilhão de visitantes do mundo todo, o que o coloca no patamar de portal de vídeos mais acessado do mundo todo, bem como um dos domínios mais conhecidos de toda a web. Com custos de tráfego praticamente nulos, conforme estudos realizados por especialistas, o site tende a crescer cada vez mais e medidas como a da transmissão de um show tão grande, ao vivo e simultaneamente para 16 países, devem contribuir significativamente para isso.

E você, usuário, o que achou da notícia? Acredita que a internet cria um novo marco na transmissão de eventos? Acha que esta ideia de transmissões ao vivo de grandes eventos pode pegar? Não deixe de registrar sua opinião em nossos comentários. Até a próxima e sejam felizes.

Cupons de desconto TecMundo: