10 notícias de tecnologia para você começar o dia (16/04)

1 min de leitura
Imagem de: 10 notícias de tecnologia para você começar o dia (16/04)
Imagem: Marcello Casal Jr./Agência Brasil
Avatar do autor

Bom dia! Separamos as principais notícias do mundo da Ciência e Tecnologia para você saber tudo o que aconteceu na última quinta-feira (15). Para conferir cada notícia na íntegra, basta clicar nos links a seguir.

1. Pix pode parar devido ao corte de gastos de Bolsonaro? Para não estourar teto de gastos, governo anunciou cortes orçamentários no Banco Central, no IBGE e no Pronaf.

2. Brecha no WhatsApp permite que 'stalkers' saibam com quem você fala. Plataformas aproveitam recurso de status público do mensageiro para coletar informações sobre usuários.

3. Novo avião supersônico fará voo de São Paulo a Paris em 2 horas. O mesmo trajeto com um avião convencional demoraria em torno de 11 horas.

4. Conheça o 'Fusca elétrico chinês' inspirado no clássico da VW. Empresa indica que novo modelo é 'uma máquina do tempo' e levará proprietários e proprietárias 'à Era das Princesas'; confira.

5. Jogos free-to-play poderão ser jogados sem Xbox Live Gold em breve. Segundo publicação do Xbox, membros do Omega Insider, os últimos a receberem atualizações, já têm acesso aos jogos free-to-play.

6. Instagram: influencers desrespeitam Ramadan e geram revolta. Entenda a polêmica com as novas figurinhas do Instagram.

7. Demon Slayer: o que vai acontecer na 2ª temporada do anime? No Brasil, Demon Slayer é transmitido pela plataforma de streaming da Netflix.

8. Exclusivo: plataforma brasileira da Volkswagen chegará a 70 países. Central multimídia VW Play será exportada para 70 países e estará disponível em 6 idiomas em breve.

9. Cinzas do vulcão La Soufriere chegam à região norte do Brasil. Os gases oriundos da erupção na ilha caribenha de São Vicente e Granadinas não oferecem perigo para os moradores.

10. Espanhol afirma estar em 2027 e ser o único humano vivo no planeta. Utilizando o perfil de 'Único Sobrevivente', Javier pede ajuda nas redes sociais para poder voltar ao ano de 2021.