YouTube Shorts, rival do Tiktok, é liberado para alguns usuários

1 min de leitura
Imagem de: YouTube Shorts, rival do Tiktok, é liberado para alguns usuários
Imagem: Pixabay/Reprodução
Avatar do autor

YouTube anunciou, nesta segunda-feira (14), o lançamento do YouTube Shorts, que vem para competir com o Tiktok e o Reels, do Instagram. Segundo a empresa, nos próximos dias, uma versão de testes beta será disponibilizada na Índia. Em breve, mais países terão acesso à plataforma, que contará com recursos adicionais. Ainda não há informações sobre a chegada da novidade ao Brasil.

Assim como seus concorrentes, o YouTube Shorts possui vídeos rápidos como foco. "Shorts é uma nova experiência de vídeo de formato curto para criadores e artistas que desejam gravar vídeos cativantes usando apenas seus telefones celulares", disse a empresa em um comunicado. 

Tela de edição do Youtube ShortsTela de edição do Youtube ShortsFonte:  Youtube/Divulgação 

Através da plataforma, será possível criar vídeos de 15 segundos inteiramente no celular, que contará com ferramentas de edição já conhecidas, como controles de velocidade, cronômetro, contagem regressiva, além de uma biblioteca de música.

"Na medida em que a tecnologia avança, criadores e artistas podem tirar proveito do incrível poder dos celulares para criar e publicar facilmente conteúdos de alta qualidade em qualquer lugar do mundo", afirmou o vice-presidente de Gerenciamento de Produtos do YouTube, Chris Jaffe.

O lançamento da plataforma acontece em um momento propício: os conflitos entre China e Estados Unidos continuam prejudicando o TikTok, que poderá ser banido da terra do dólar caso a ByteDance, dona do app chinês, e o governo norte-americano não entrarem em um acordo.

YouTube Shorts, rival do Tiktok, é liberado para alguns usuários