Imagem de: Firefox lança ferramenta que confunde rastreadores de anúncios

Firefox lança ferramenta que confunde rastreadores de anúncios

1 min de leitura
Avatar do autor

Todo mundo já se deparou com a seguinte situação: você vai lá e pesquisa um notebook e, ao navegar por aí em vários outras páginas, começa a receber uma enxurrada de anúncios de laptops — mesmo que não precisa mais dessas sugestões. A publicidade dirigida é uma tática usada há anos, especialmente em redes sociais, e usa nossos próprios rastros para no seduzir a comprar coisas. 

Bem, a Mozilla vem buscando formas de diminuir nossas “pegadas virtuais” por aí e driblar o uso dos cookies por tanta gente. Agora, ela lança uma ferramenta para o Firefox que usa uma abordagem mais agressiva para evitar que entidade fiquem no seu pé o tempo todo. O Track This foi criado para confundir a varredura desses grupos.

firefoxFonte: TrackTHIS/Reprodução

Basicamente, a ferramenta usa 100 abas aleatórias com sites e serviços que nada têm a ver com o usuário, a partir de 1 dos 4 perfis completamente diferentes disponíveis: Hyperbeast, Filthy Rich, Doomsday e Influencer. A ideia é inundar os anunciantes de informações randômicas, de forma que eles não consigam te definir de uma maneira coerente para encaminhar suas propostas.

Ferramenta consome bastante memória da máquina

As 4 personas criadas pelo browser trazem traços tão específicos e escassos que fica extremamente difícil direcionar um anúncio para o usuário. Como são abertas 100 abas de uma única vez, o processo é demorado e, claro, consome uma grande quantidade de memória RAM — por isso mesmo, a recomendação é que você faça isso em uma janela à parte, para poder encerrá-la a qualquer momento.

Vale destacar que a solução foi criada para o Firefox. Caso você tente usá-la no Chrome, o browser vai pedir autorização para abertura de cada uma das páginas. Embora não seja o recurso que todos sonhavam, o Track THIS pode ser muito útil em determinadas situações e os criadores já adiantaram que vêm desenvolvendo uma versão mais leve — que, aí sim, pode ajudar mais gente a se livrar da publicidade persistente.

Se quiser experimentar, é só acessar a página da ferramenta.

Fontes

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Veja também
Firefox lança ferramenta que confunde rastreadores de anúncios