As operadoras sul-coreanas começaram a disponibilizar os serviços 5G no país no mês de abril, e, segundo informações divulgadas, o número de usuários da nova tecnologia já está na casa dos 260 mil. O desejo de entregar esse tipo de conexão aos habitantes veio do próprio Ministro de Ciência e Tecnologia da Coreia do Sul, Choi Yanghee, e foi uma ação simultânea entre o governo e as três maiores operadoras do país: SK Telecom, KT e LG Uplus.

Entretanto, o lançamento apresentou alguns problemas no que diz respeito a cobertura e velocidade, tendo em vista que a nação conta com pouco mais de 54 mil estações 5G ativas, todas limitadas a áreas urbanas. "Muitas das reclamações iniciais dos usuários estão sendo resolvidas, mas, com cada vez mais pessoas usando o serviço, outros problemas devem surgir e exigir medidas para serem corrigidos", declarou o ministro.

Vale mencionar que a primeira rede 5G foi lançada pela Verizon nos Estados Unidos no último ano. Recentemente, a estatal uruguaia Antel lançou no país a primeira rede comercial 5G da América Latina, enquanto o Brasil ainda não tem previsão de quando tal tecnologia estará disponível ao consumidor.