Google quer combater estereótipos de gênero no Google Tradutor

1 min de leitura
Imagem de: Google quer combater estereótipos de gênero no Google Tradutor
Avatar do autor

A Google trabalha para reduzir o viés de gênero do Google Tradutor a fim de tornar mais inclusivas as traduções feitas na ferramenta. Atualmente, algumas palavras que em outro idioma têm gênero neutro são normalmente traduzidas em um contexto de estereótipo de gênero — por exemplo, “the doctor” para “o médico” e “a nurse” para “uma enfermeira”.

“Historicamente, o Google Tradutor ofereceu apenas uma tradução para uma solicitação, mesmo quando ela poderia ter formas masculina e feminina. Então, quando o modelo produzia uma tradução, ele inadvertidamente replicava vieses de gênero já existentes”, explica a empresa.

A ideia, portanto, é alterar esse padrão e incluir traduções para ambos os gêneros quando palavras são traduzidas do inglês para francês, italiano, português e espanhol e do turco para o inglês.

No o futuro, a Google espera expandir essa ferramenta para ainda mais idiomas e levar o mesmo combate ao viés de gênero para as traduções em seus apps e para a função autocompletar de suas ferramentas. Além disso, a companhia garante estar avaliando “como abordar gênero não binário em traduções, apesar de isso não fazer parte deste lançamento inicial.”

Fontes

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Google quer combater estereótipos de gênero no Google Tradutor