'Black Friday chinesa' deste ano promete ser a maior de todos os tempos

2 min de leitura
Imagem de: 'Black Friday chinesa' deste ano promete ser a maior de todos os tempos
Imagem: Reuters
Avatar do autor

O Single’s Day, o dia do “orgulho de ser solteiro”, é um evento gigantesco na China e só para ter uma ideia ele consegue somente no país ter um movimento maior dos que as Black Friday de vários países, incluindo a dos Estados Unidos e muitas vezes superior ao valor somado de grandes praças. Neste ano, a coisa deve tomar proporções gigantescas, com o ecossistema de varejo chinês unido em todo o mundo oferecendo promoções.

Todos os setores serão ativados, incluindo serviços de entrega de comida e varejo offline

A estimativa é da gigante Alibaba Group Holding, que espera nada menos do que um montante de recorde de 1 bilhão de pedidos em apenas 24 horas, no dia 11 de novembro. O “festival de compras”, como vem sendo chamado, contará com a participação de mais comerciantes e consumidores fora da China para celebrar o 10º aniversário do Single’s Day — incluindo atividade envolvendo vendas offline.

Nesta temporada, o festival global de compras promovido pela Alibaba vai cobrir 400 cidades, mais de 200 mil lojas inteligentes e 100 das principais zonas comerciais na China continental. A plataforma de negócios para consumidores Tmall Global deve engajar 180 mil marcas chinesas e globais e 3,7 mil categorias de produtos importados em 75 países e regiões, com cerca de 500 mil itens disponíveis para pré-venda a partir de 20 de outubro.

O serviço on-demand da Ele.me fornecerá de entrega de comida para algumas lojas da Starbucks em 11 cidades chinesas, incluindo cobertura completa em Pequim e Xangai. A Koubei oferecerá descontos em 150 mil restaurantes, shoppings e destinos de entretenimento e lazer — a Alibaba anunciou recentemente a fusão dessas duas unidades.

alibabaDaniel Zhang Yong, chefe-executivo da Alibaba Group Holding. Fonte: South China Morning Post/Simon Song

O AliExpress, responsável pela promoção internacional, terá atividades abrangendo um total de 48 horas. Cerca de 100 lojas Hema participarão do evento e quase 400 supermercados da RT-Mart também estão na lista. A Intime terá ofertas em 34 cidades, por meio de seus 62 shoppings, enquanto 222 lojas EasyHome estão no Single’s Day pela primeira vez. Já subsidiária do sudeste asiático, a Lazada Group deve fazer sua estreia no festival em Singapura, na Malásia, na Tailândia, na Indonésia, nas Filipinas e no Vietnã.

A Alibaba registrou US$ 25,3 bilhões em volume de mercadorias brutas durante a edição de 2017 — só para ter uma ideia, quando estreou o evento, em 2009, foram US$ 7,8 milhões de vendas no comércio eletrônico. E, pelo que parece, os números deverão ser ainda mais expressivos neste ano.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
'Black Friday chinesa' deste ano promete ser a maior de todos os tempos