Durante um evento fechado para a imprensa, o YouTube anunciou oficialmente a chegada ao Brasil do YouTube Music, o seu serviço de streaming de música para AndroidiOS e web que vai rivalizar com nomes como Spotify, Deezer, Apple MusicTidal e vários outros. Junto à novidade, a empresa revelou opções pagas tanto do serviço musical e quanto do de vídeos – que são chamadas respectivamente de YouTube Music Premium e YouTube Premium.

Ambos serão liberados para o público brasileiro a partir das 13 horas (horário de Brasília) desta terça-feira (25). Em sua versão gratuita, o Music conta com todo o catálogo oficial de atrações musicais da plataforma de vídeo, incluindo clipes, faixas sonoras de álbuns inteiros, singles, remixes, apresentações ao vivo e covers, não apenas de artistas famosos que têm contratos com gravadoras, mas também de músicos independentes que enviaram seus próprios materiais.

Segundo os responsáveis, o diferencial da novidade está na inteligência artificial, que observa os hábitos que você já apresenta no YouTube normal e cruza com informações sobre sua localização e contexto para fazer sugestões voltadas especificamente para seus gostos. Assim, ele consegue indicar artistas novos que você pode curtir, canções relaxantes ou animadoras para horas de trabalho puxado e até playlists completas.

YouTube Music

O sistema de busca inteligente da Google facilita a tarefa de encontrar músicas e artistas específicos mesmo que você não se lembre de informações como o nome real da faixa ou que digite algo errado. Escrever “música deserto anira”, por exemplo, permite encontrar o hit “Sua cara” de Major Lazer com Anitta e Pabllo Vittar, enquanto buscar por “trocando de biquíni sem parar” leva corretamente à música “Noite do Prazer”, de Cláudio Zoli.

Além da página principal, que reunirá as músicas e playlists indicadas para você pelos algoritmos, a aba Hostlist serve para que você possa acompanhar os vídeos musicais mais populares do momento, tanto no Brasil quanto no mundo. Por fim, a seção Biblioteca permite gerenciar as suas próprias faixas favoritas.

Benefícios extras para assinantes

Todas essas funcionalidades estão inclusas na versão gratuita do serviço, que exibe anúncios entre uma música e outra para se manter funcionando e pagar os produtores de conteúdo. Quem quiser, pode fazer a assinatura da versão Premium para eliminar os anúncios e ganhar recursos adicionais, como a capacidade de continuar ouvindo suas canções mesmo com o app em plano de fundo e de fazer download de faixas para ouvir offline.

YouTube Music Premium

Entre os benefícios da assinatura está ainda a função Mixtape Offline, que se baseia nas preferências do usuário para baixar automaticamente músicas de acordo com o seu gosto para que ele tenha o que ouvir quando ficar sem internet, mesmo se não tiver se lembrado de fazer o download por conta própria. Por fim, o Music Premium tem um recurso que permite alternar instantaneamente entre a reprodução de um vídeo ou apenas do áudio de uma música, continuando do mesmo ponto onde você estava.

A versão paga da plataforma de vídeos, que antes se chamava YouTube Red e agora ganha o nome YouTube Premium, também estará disponível para usuários brasileiros na mesma data e hora. Os assinantes ficam livres dos anúncios do serviço gratuito, ganham também os benefícios da versão paga do Music e também passam a ter acesso livre à lista completa de programas e filmes do YouTube Originals, incluindo séries como Cobra Kai, Impulse, F2 Finding Football e The Sidemen Show, entre outras.

YouTube Music Premium preços

Tanto o YouTube Music Premium quanto o YouTube Premium completo estão oferecendo três meses de experimentação gratuita para quem clicar aqui (lembrando: a partir das 13h de 25 de setembro). Depois desse período, a assinatura individual passa a ser de R$ 16,90 por mês para a plataforma de músicas e de R$ 20,90 mensais para a de vídeo. Os serviços também contam com planos familiares para até seis membros maiores de 13 anos e residentes na mesma casa, com avaliação gratuita de 1 mês. No Music, essa opção sai por R$ 25,50 ao mês, enquanto no YouTube Premium o custo é de R$ 31,90 mensais.