Enquanto a maioria das câmeras tem evoluído para reproduzir com o máximo de fidelidade e detalhes a cena que você está mirando, aqui está uma invenção que vai na contramão dessa ideia: a polaroid adaptada Draw This usa inteligência artificial (IA) e a biblioteca da Google para transformar instantaneamente suas fotos em versões cartunesca das mesmas.

“Uma das coisas divertidas sobre esta polaroid reimaginada é que você nunca consegue ver a imagem original. Você aponta e tira a foto e em seguida aparece um cartoon — a melhor interpretação que a câmera conseguiu a partir do que ela ‘viu’. O resultado é sempre uma surpresa. Uma selfie de comida de uma salada saudável pode se transformar em um enorme cachorro-quente, ou uma foto com amigos pode ser ‘zoada’ com a de uma cabra”, destaca o site do projeto.

O Draw This usa os milhões de esboços registrados pelo Quick Draw — o jogo em que a rede neural da Google tenta adivinhar o que você está desenhando em tempo real — em um mapa de categorias, preestabelecidas por Macnish. Assim, o circuito adaptado de uma polaroid com um esquema feito a partir de um minicomputador Raspberry Pi 3 consulta esse arquivo e tenta relacionar com o que foi captado. O resultado, como foi descrito acima, é sempre uma surpresa e aí é que está a graça disso tudo.

Por enquanto não há uma versão comercial, mas o próprio autor disponibiliza os códigos abertos, tanto para a montagem do hardware quanto para o uso do software.