Segundo informou a publicação Bleeping Computer, os donos de iPhones no Irã não são mais capazes de acessar de nenhuma maneira a App Store, a loja online da Apple onde se pode baixar aplicativos e outros recursos. Você deve estar imaginando que não exista suporte oficial da Apple lá, e está certo, mas havia maneiras de burlar esse problema. Acontece que agora não há mais jeito nenhum de acessar o serviço por causa do que parece ser um bloqueio total proposital feito no país.

[O bloqueio] certamente tem a ver com as sanções feitas pelo governo norte-americano contra o Irã e aprovadas pelo presidente Donald Trump no ano passado

Sabe-se que a Apple não vende smartphones no Irã de maneira oficial, mas os moradores do país podiam importar os aparelhos e, mesmo sem suporte para a App Store lá, era possível acessar partes de versões da loja de outras localidades. Ao que parece, a Apple agora bloqueou também essa possibilidade e qualquer tráfego vindo do Irã é proibido de acessar a App Store por completo.

A Apple não se pronunciou sobre o assunto e não se sabe exatamente o motivo desse bloqueio, mas certamente tem a ver com as sanções feitas pelo governo norte-americano contra o Irã e aprovadas pelo presidente Donald Trump no ano passado. O único jeito agora para usuários de iPhones no Irã é usar alguma aplicação de VPN para enganar a App Store e acessá-la como se estivessem em outro país, o que torna o uso dos smartphones da Apple muito mais difícil e pouco prático no Irã.

Cupons de desconto TecMundo: