O Zagat nasceu como guia de entretenimento e do circuito novaiorquino de restaurante no final dos anos 70 e atualmente segue na ativa, com sua versão eletrônica. Depois de ser comprado pela Google em 2011, o site continuou entregando conteúdo bastante prestigiado, porém, no ano passado, as cópias físicas deixaram de existir. Agora, a Gigante das Buscas, que vem aprimorando seus próprios serviços semelhantes, a exemplo do Local Guides, decidiu o Zagat seguir um outro caminho ao lado do The Infatuation, que também traz listagem de sugestões e resenhas.

Depois de comprar o Zagat por US$ 151 milhões, a Google passou a integrá-lo ao Google Maps e incluí-lo em vários de seus resultados. Como a companhia vem investindo em seu próprio sistema de críticas de estabelecimentos, então achou melhor negociá-lo, por um valor não divulgado.

zagat googleZagat

Já o The Infatuation foi criado em 2009 e sua interface simples e rápida, com cobertura para Austin, Chicago, Denver, Londres, Los Angeles, Nova York, São Francisco, Seattle e Washington DC, passou a ser rentável no ano passado, o que motivou a nova parceria. E uma das primeiras ideias é o retorno das publicações impressas.

the infatuation

“Gostaríamos de trazer de volta os guias impressos em algum momento, acho que as pessoas realmente gostam deles e amaríamos começá-los novamente”, adiantou o CEO do The Infatuation, Chris Stang, à CNBC. A cofundadora do Zagat, Nina Zagat, comemorou a notícia, ao falar com o Slash Gear. “Estamos ansiosos pelo próximo capítulo do Zagat ao lado do The Infatuation, que tem uma abordagem inovadora. A paixão que eles têm em ajudar as pessoas encontrar grandes restaurantes e por construir uma comunidade estão alinhados com o que pensamos no Zagat desde o princípio.”

Cupons de desconto TecMundo: