Se você usou o Facebook nos últimos dias, provavelmente viu algum amigo postando uma foto de como ele se pareceria caso fosse do sexo oposto. O site que realiza essa brincadeira é o Kueez.com e nós conversamos com os criadores da ferramenta para saber um pouco mais sobre como ela funciona.

“O quiz se tornou um enorme sucesso em todo o mundo, com mais de 200 milhões de resultados gerados”, contou o diretor de operações do site Shahaf Kimhi. E tamanho sucesso se traduz na projeção alcançada pelo Kueez não somente aqui, mas também em todo o planeta: atualmente, ele está entre os 900 sites mais visitados do mundo e entre os 250 mais acessados do Brasil.

Gênero opostoBrincadeira é a nova mania nas redes sociais.

A plataforma conta com diversos tipos de desafios semelhantes, mas a que mostra como você seria caso fosse do sexo oposto, a febre do momento, traz um segredo bastante “simples”: o FaceApp. “Um dos muitos conceitos do Kueez é usar diferentes tecnologias a fim de gerar resultados especiais personalizados e de alta qualidade”, explica Kimhi. “Essa brincadeira em específico é baseada no algoritmo avançado desenvolvido pelo FaceApp.”

Lançado no início do ano passado, o FaceApp utiliza redes neurais para oferecer um sistema de "troca de rostos" em fotos e vídeos. A ideia é uma ferramenta simples e funcional tal qual o esquema de máscaras de serviços como Snapchat e Masqrd, app adquirido pelo Facebook e que serviu de base para recursos dos Stories e do Messenger.

Desafios como “Qual o seu aspecto daqui a 20 anos” e “Como o seu filho vai se parecer” são outras iniciativas do Kueez.com que fazem sucesso por aqui e o diretor de operações afirma que a companhia trabalha para criar novas brincadeiras não apenas com a tecnologia FaceApp, mas também com recursos desenvolvidos por outras empresas.

Cupons de desconto TecMundo: