Lembra-se do AIM, a ferramenta de mensagens instantâneas da AOL que está por aí há, literalmente, 20 anos? Se você é um dos fãs da ferramenta, lamentamos trazer más notícias: o serviço será descontinuado muito em breve.

O anúncio foi feito através do perfil oficial do AOL Instant Messenger no Twitter. Nele, a empresa trouxe também a data para que os servidores do aplicativo sejam desligados em definitivo: no dia 15 de dezembro. A decisão para isso, segundo Michael Albers (vice-presidente de comunicações de produto da Oath), veio justamente devido às mudanças na maneira como o público se comunica atualmente.

“O AIM tocou em novas tecnologias digitais e acendeu uma mudança cultural, mas a maneira na qual nos comunicamos uns com os outros mudou profundamente”, disse Albers, no anúncio feito através do Tumblr do serviço. “Como resultado nós tomamos a decisão de que nós estaremos descontinuando o AIM com efetivo em 15 de Dezembro de 2017”, continuou.

“Todas as coisas boas chegam ao fim. Em 15 de Dezembro, nós vamos dar adeus ao AIM. Obrigado a todos os nossos usuários!”

Segundo a página de suporte da Oath, vale notar, ainda não há um substituto para o aplicativo. Da mesma forma, não há uma maneira de salvar sua lista de amigos; no entanto, é possível utilizar as ferramentas do AIM para salvar seus arquivos, histórico e outros dados – desde que, é claro, você o faça antes do dia do fechamento do software.

Não precisa se preocupar, por fim, com seu endereço de email da plataforma, pois ele vai continuar funcionando normalmente.